ENTRE EM CONTATO
PARCEIROS
AGENDA
LOJA VIRTUAL
 

Busca no Site:

 

2262 acessos desde 1 de dezembro de 2006.
Projeto a Casa do Jardim
Mãos em oração... Esse é um projeto sério, e para tanto, peço a atenção e a colaboração de todos aqueles quem possuem apreço por mim. A grandeza do ser humano não está somente no pensar, mas sim e principalmente, no agir. Carlos Guerrinni

Como surgiu o Projeto A Casa do Jardim

O Projeto A Casa do Jardim começou em 2001. Começou com a minha indignação ao ver crianças remexendo o lixo atrás de material reciclado. Crianças de todas as idades, tamanhos, cor e sexo, mas com algo triste em comum: extremamente pobres e com suas mãozinhas sujas e machucadas. Comecei ajudando uma criança, Franciele, hoje temos aproximadamente 100. Crianças carentes, desnutridas, muitas doentes, mas elas só precisam de uma chance para mudar este ciclo de miséria. E nós daremos esta chance a elas com nosso projeto

Quem são nossas crianças

Todas as nossas crianças vão à escola, têm de 0 a 16 anos, infelizmente a maioria delas, após as aulas, sai  para as ruas para catar papelão. Muitas delas são subnutridas, têm vermes, algumas têm doenças graves, raquitismo,etc. Nossas crianças vêem do Jardim Oriental, Vila João Ramalho, Jardim São Bernardo, Jardim Represa e Capuava. Todas são proibidas de ir aos faróis. Todas têm  sonhos.

Objetivo do Projeto A Casa do Jardim                        

Nosso objetivo é que as crianças carentes venham para o projeto após as aulas. Lá , elas terão atendimento e alimentação, enquanto suas mães vão aprender a costurar, cozinhar, fazer artesanato para vender, terão assistência nutricional, planejamento familiar, etc. Planejamos dar às crianças atendimento psicológico, odontológico, médico, fisioterapêutico, reforço escolar, aulas de línguas, música, computação, esporte, canto, dança, artesanato,etc.

Voluntários                                         

Já contamos com mais de 80 voluntários prontos para trabalhar pela caridade. Temos projetos de aproveitamento de talos e folhas de vegetais e verduras, fabricação da multi-mistura, horta cuidada pelas crianças, times de esportes variados, coral, projetos para ganho de peso e estatura nas crianças desnutridas, fisioterapia nas crianças especiais, projeto de reciclagem, padaria comunitária, bazar com produtos doados e fabricados pelas mães e crianças, projeto de relacionamento de crianças com pequenos animais domésticos para resgatar o amor e o carinho nestas crianças, criação de um pequeno jornal feito pelas crianças nas aulas de redação, etc .

O que ainda falta                                     

Temos voluntários, crianças carentes, projetos, mas ainda não temos um local apropriado para atender nossas crianças. Através de um vereador estamos pedindo ao Prefeito de Santo André um local para trabalhar. Hoje, atendemos nossas crianças na esquina da rua Dona Carlota em Santo André, em frente à Clínica Cerpo.

Como é feita a arrecadação   

Arrecadamos de tudo, principalmente comida: arroz, leite, feijão, macarrão e fubá; roupas e sapatos usados, brinquedos, livros de leitura, material escolar, móveis, remédios, etc. Arrecadamos as doações todos os dias e na última semana de cada mês, as mães passam na esquina da rua Dona Carlota (que chamamos de "escritório") e pegam as doações. Tudo o que é arrecadado é distribuído para as crianças e o que não serve para elas vai para os nossos dois brechós.

Se as crianças precisam de atendimento médico de urgência e não são atendidas nos postos públicos, nós procuramos nossos médicos voluntários: Dra. Maria Cecília Machado Botam, Dr. Alexandre Kusabara e Dra. Olga G. Carmona. Quando não há remédios nos postos de saúde, nós compramos com o dinheiro arrecadado. Estamos abrindo dois brechós com roupas , sapatos e objetos doados que não servem para as nossas crianças. Um é no Morro dos Eucaliptos (Vila João Ramalho) e o outro é no Jardim Represa. As mães tomam conta dos brechós e o dinheiro das vendas é revertido em remédios, material escolar e emergências.

Não temos tempo a perder                       

Temos crianças especiais que precisam urgentemente de fisioterapia e remédios caros: Fernando, Carlos Henrique, Michael, Jenifer, Camila, Marcelo, Anthony... Temos crianças subnutridas que precisam da multi-mistura: Renata, Karoline,Juliana, Jonatas, David, Wellington, Rebeca... Quase todas precisam de dentista, de um esporte, de aulas de computação. Por isso lutamos agora, não esperamos, estamos a cada dia melhorando, conseguindo mais voluntários e doações, fazendo de tudo para conseguir o nosso local sonhado, a nossa Casa do Jardim, onde cuidaremos de nossas flores, de nossas crianças , de nossos príncipes e princesas que têm esperança e fé em um futuro melhor.

"VÁ. FAÇA A LUZ COM SUA PRÓPRIA LUZ. LEVE SABEDORIA E COMPAIXÃO, SEM ESCOLHER ENTRE ESTE OU AQUELE CORAÇÃO!"               Monja Coen Sensei

Só para lembrar                              

Neste exato momento mais de 600 milhões de crianças estão passando fome, dormindo nas ruas, catando papelão para sobreviver, morrendo nas guerras, roubando para comer. Todas têm algo em comum: SÃO INVISÍVEIS AOS OLHOS DA SOCIEDADE! Cerca de 60 milhões de crianças moram nas ruas, sendo que 5 milhões só no Brasil. De cada 4 crianças no mundo, 3 vivem na pobreza, isso faz com que elas tenham que sobreviver com menos de 3 reais por dia. Cerca de 40 milhões de crianças sofrem maus-tratos e não têm como se defender. No mundo 121 milhões de crianças nunca foram à escola. Nos últimos 15 anos, 2 milhões de crianças morreram em guerras, 6 milhões foram mutiladas e 1 milhão se perdeu ou foi separada dos pais. A cada 15 minutos, uma criança menor de 15 anos morre em decorrência da Aids no mundo. Só no Brasil 21 mil crianças têm Aids. Cuidamos de 100 crianças carentes, é pouco, mas já é um começo. Ajude a gente!

Doações e Informações    
011 - 4436-3932  /  011 - 7243-7023   SP
 
Kátia A . Carvalho
Presidente-Vitalícia do Projeto A Casa do Jardim
Um Grande Abraço,
 
Nossas Crianças                                 

·     Todas as nossas crianças vão à escola ou à creche.

·     Nenhuma se envolveu com a polícia.

·     60% moram em barracos.

·     Nenhuma mora nas ruas.

·     30% não têm ajuda do governo.

·     A maioria das crianças cresceu bebendo fubá com água.

·     70% dessas crianças estão com a dentição danificada.

·     75% estão abaixo do peso e altura.

·     35% catam papelão nas ruas.

·     48 crianças estão abaixo do nível de pobreza.

·     23 crianças nossas têm problemas graves como hidrocefalia, epilepsia, câncer, síndrome de down, psicose infantil, paralisia, paralisia cerebral,etc.

·     Poucas têm acesso a remédios caros ou dão seqüência ao tratamento por falta de médicos ou demora nas consultas.

·     40% de nossas crianças são raquíticas.

·     55% delas são criadas somente pela mãe ou avós.

·     40% delas passam fome pelo menos uma vez por semana.

·     Todas sonham com um futuro melhor.
 

Instalações que almejamos para O Projeto A Casa do Jardim                  

Refeitório

Cozinha

Biblioteca (Já estamos arrecadando os livros)

Dormitório para os bebês e as crianças pequenas

Brinquedoteca (Já estamos arrecadando brinquedos)

Vestiários com chuveiros

Parquinho

Banheiros

Depósito para comida e roupas

Sala de computação (O Itaú doará computadores)

Consultório médico (Já temos 3 médicos voluntários)

Consultório psicológico (Já temos 2 psicólogas voluntárias)

Consultório de nutrição (Já temos 3 nutricionistas voluntárias)

Sala de Fisioterapia (Já temos 4 fisioterapeutas voluntárias)

Pequena horta cuidada pelas crianças

Pequeno local para as crianças cuidarem de animais pequenos

Consultório de dentista (Já temos 3 dentistas voluntários)

Pequena farmácia com remédios comuns (Já temos farmacêutico)

Quadra de esportes (Já temos 9 professores)

Oficina de artesanato e costura

Bazar permanente (Já estamos arrecadando doações)

Sala para aulas de música e coral (Já estamos arrecadando instrumentos musicais)

Sala para reforço escolar e alfabetização de adultos (Já temos 8 professoras voluntárias)

Escritório geral

Sala para contador de estórias, vídeo e teatro (Já temos 14 voluntários)

E com a Graça Divina...
Um pequeno asilo, onde os velhinhos passarão seu dia fazendo atividades e voltarão para suas casas à noite.
 
 
Eu não sei como conseguiremos, mas "Certamente Conseguiremos".
 
Tecnologia Site Inteligente